Como instalar sistemas solares fotovoltaicos fiáveis, sustentáveis e seguros em telhados planos?

É apenas 10% do investimento total, mas tem de suportar esse investimento durante mais de 20 anos e certificar-se de que compensa: a subestrutura ou o sistema de montagem dos painéis fotovoltaicos em telhados planos. Por isso, é importante pensar bem no assunto. Este artigo aborda mais a importância de selecionar um sistema de montagem de alta qualidade e o que torna um sistema de montagem de elevada qualidade na melhor opção a tomar.

Menos lastro por design

Um sistema de lastro deve assegurar que o sistema não é expelido do telhado ou provoca danos à estrutura do telhado. E porque o sistema não é fixado dentro ou no telhado, mas sim lastrado no telhado, é claro que é importante saber a quantidade de lastro que terá de colocar e onde. Tanto quanto possível, para evitar que todo o sistema seja expelido do telhado devido a possíveis rajadas de vento. Mas, também não se quer ter demasiado lastro no telhado. Não só devido ao custo, mas também porque está limitado ao peso máximo que o telhado pode suportar.


Destacamos dois aspetos de um sistema de montagem que podem fazer uma diferença positiva: aerodinâmica e acoplamento mecânico. Ao conceber um sistema de montagem, é necessário assegurar que o vento possa ter o mínimo efeito possível em todo o sistema. Placas laterais, inclinadas, que fecham o lado aberto de um campo duplo com painéis, tornam o conjunto muito mais aerodinâmico e, portanto, na prática, não é necessário colocar tanto lastro. Estudos também revelam que as porcas, parafusos e braçadeiras que fixam o painel ao sistema de montagem proporcionam cerca de 18 por cento de arrasto adicional (resistência ao ar). É por isso que é sensato “construir para dentro” no seu design: sem peças salientes e apenas peças planas no exterior. Isto produz menos resistência ao ar, o que tem um efeito positivo no lastro.


Outra forma de reduzir o lastro em segurança é conceber o acoplamento mecânico (força com que os painéis são ligados uns aos outros) o mais alto possível. Isto pode ser feito, por exemplo, aplicando ligações cruzadas muito fortes em duas direções nos campos. Com o FlatFix Wave Plus da Esdec, isto é feito, por exemplo, com os estabilizadores e as unidades de base dupla. Quanto maior for o acoplamento, melhor a ligação dos painéis entre si, menos lastro é necessário.

Cálculo fiável

É crucial um cálculo fiável do seu projeto: quanto material precisa, quanto lastro tem de colocar e, por último, mas não menos importante, onde tem de colocar o lastro. E isto tem de ser determinado com muito cuidado. Um primeiro ingrediente para um cálculo fiável é a realização de testes extensivos. São recolhidos dados valiosos submetendo o sistema de montagem, incluindo o painel, a vários testes efetuados em túnel de vento. É importante testar muitos cenários diferentes, com diferentes tamanhos de campo, diferentes alturas de telhado, diferentes disposições, etc.


Complementado com dados dos chamados testes de elevação (quão apertados os painéis se seguram uns aos outros em certos lugares a uma pressão de pico), pode ser desenvolvido um método de cálculo para fornecer o lastro mais fiável para o seu sistema.
Ao conceber o seu sistema solar fotovoltaico de telhado plano é crucial que introduza corretamente todos os parâmetros na calculadora, tais como localização geográfica (zona de vento e categoria do terreno), altura do edifício e o tipo de material do telhado. Só então a calculadora pode garantir-lhe a instalação mais fiável, com a quantidade certa de material, a quantidade certa de lastro e o posicionamento exato do seu lastro.

Cálculos de lastro certificados pela Peutz

A Esdec recebeu os certificados Peutz para a sua calculadora utilizada para a realização de cálculos do lastro. Os certificados demonstram que a Esdec utiliza corretamente as medidas do túnel de vento do FlatFix Wave Plus e FlatFix Fusion, combinadas com resultados de testes de elevação mecânica e que todos os resultados foram processados corretamente, e em segurança, na calculadora da Esdec. Estes certificados são válidos por três anos, após os quais podem ser renovados como resultado de uma nova auditoria da Peutz. Dispõe de mais detalhes aqui.